Pensamento do Dia...

"É legítimo querer que nos amem por quem somos … mas é nossa a responsabilidade de sermos quem somos…fielmente."

quarta-feira, 25 de março de 2009

Tristeza...

Este é o grande desafio de todos nós, vivê-la, parar tudo e senti-la. Como todas as emoções a tristeza (no seu sentido puro e profundo) não é fácil de descrever...apenas sente-se!
Uma das minhas mais recentes "descobertas" é poder sentir apenas essa tristeza pura, sem outras emoções a perturbá-la...sem a raiva, a culpa, a impotência...nada, só tristeza. É uma tristeza tão profunda, tão nobre que só pode vir bem lá do fundo da alma, onde estão todas as nossas memórias.
No entanto é uma dor, uma dor tão funda que dói no peito e ás vezes parece ser acompanhada por uma saudade, uma falta, de não sei bem o quê...mas de algo muito bom...algo que podemos encontrar bem lá em cima.
Esta tristeza não tem causa perceptivel...mas faz parte de mim, faz parte das minhas experiências...para que um dia possa sentir uma felicidade proporcional a tamanha dor.
"Um dia um homem foi até Deus, um velho fazendeiro, e disse: "Olhe, você pode ser Deus e pode ter criado o mundo, mas devo dizer-lhe uma coisa: você não é um fazendeiro. Você nem sabe o básico sobre fazendas. Deus disse: "Qual o seu conselho?" O fazendeiro respondeu: Dê-me um ano, deixe-me fazer as coisas do meu jeito e você verá o que vai acontecer. Não haverá mais pobreza! "Deus estava disposto a tentar e deu um ano ao fazendeiro. Naturalmente, este pediu apenas o melhor, só pensou no melhor: sem trovões, sem fortes ventanias, sem perigos para as plantações. Tudo era muito confortável, acolhedor, e ele estava muito feliz.
O trigo estava crescendo muito!
Quando ele queria sol, havia sol. Quando ele queria chuva, havia chuva, e tanta chuva quanto ele achasse necessário. Nesse ano tudo esteve correcto, matematicamente correcto. Mas, quando foi feita a colheita, não havia grãos de trigo dentro. O fazendeiro ficou surpreso e perguntou a Deus o que havia acontecido, o que havia saído errado. Deus disse:
"Como não houve dificuldades nem conflitos, nenhum atrito, como você evitou tudo aquilo que podia ser ruim, o trigo se tornou impotente. É necessário que haja alguma dificuldade. As tempestades, os trovões, os raios, todos eles são necessários. Eles fazem com que a alma do trigo se mobilize.
.
"Se você está apenas feliz, feliz e feliz, a felicidade irá perder todo o seu sentido. Será como alguém que escreve com giz branco sobre uma parede branca. Ninguém será capaz de ler o que foi escrito. É preciso escrever num quadro-negro para que as coisas se tornem claras. A noite é tão necessária quanto o dia. E os dias de tristeza são tão essenciais quanto os de alegria. Chamo isso de compreensão. Uma vez que você tenha entendido isso, pode relaxar: nesse relaxamento estará a entrega. Você dirá: "Seja feita a vossa vontade." Você dirá: "Faça o que achar mais correcto. Se hoje forem necessárias nuvens, que venham nuvens. Não me ouça, minha compreensão é limitada. O que sei sobre a vida e seus segredos? Não me ouça! Continue agindo de acordo com a sua vontade. "Então, lentamente, quanto mais você perceber o ritmo da vida, o ritmo da dualidade, o ritmo da polaridade, mais irá parar de pedir, de escolher. Esse é o segredo. Viva com este segredo e veja a beleza. Viva com este segredo e subitamente você será surpreendido: como é grande a bênção da vida! Quanto é despejado sobre si a cada momento!"
. in Tarot da Transformação de Osho - Retirado do blog Mil Caminhos

5 comentários:

Joana disse...

Amiga, estarmos dispostos a sentir profundamente a tristeza que nos assola não é nada fácil...

PM disse...

Quando comecei a ler este tópico sinceramente e não faltando ao respeito pensei que a amiga não estivesse bem, pois quem pode desejar sentir a dor e a tristeza se todos nós lutamos para sermos felizes o mais possivel, depois no decorrer do texto percebi a essência da questão, mas de qualquer forma já estou como a Joana diz, estarmos dispostos a sentir profundamente a tristeza é bastante complicado, pois no fundo ninguém quer/gosta de sofrer.

Abraço

PM

Noé disse...

Cheguei aqui pela Janela de Joana, bonito blog!

Essencialma disse...

Obrigado pelos comentários, novos seguidores.

:D

Anónimo disse...

ficar triste por uma perda se ao menos nem possuiu ?? Hoje esta tristeza me toma e estou sem chão, o amor nos faz sentir tristeza , e assim hoje passando por aqui em um momento de minha vida que não gostaria de estar passando, sempre soube lidar com a solidão dentro do meu coração, mas hoje esta insuportavel esta dor, talvez escrevendo me sinta um pouco melhor, como disse minha psicologa escrever o que sente faz bem ..Assim espero pois a tristeza é imensa em meu coração.