Pensamento do Dia...

"É legítimo querer que nos amem por quem somos … mas é nossa a responsabilidade de sermos quem somos…fielmente."

quarta-feira, 10 de março de 2010

What love is....

O post hoje tenta chegar num tema, que muitas vezes me apetece falar, mas que nunca acho palavras para expressar...só o sentir tem significado, e é dificil traduzi-lo...
Todo o caminho que muitos de nós começamos a percorrer, onde conseguimos olhar para a vida com uns novos olhos, por vezes faz-nos cair um pouco no julgamento...eu até achava que não, mas dei por mim lá...
Quando coloco a questão que me está na cabeça, de Será que as pessoas desaprenderam a mostrar o AMOR, umas pelas outras, quando pergunto se perderam a espontaneidade do toque, do abraço, do elogio, de qualquer gesto que valorize o outro enquanto pessoa, entro um pouco em julgamento porque eu estou a aprender a ser diferente, e de certa forma penso que o mundo deveria evoluir comigo....mas não é assim...
Fico triste claro, por não ser, mas acima de tudo também estou a aprender a dar-me ao mundo, para que talvez a meia duzia de pessoas que me rodeia, possam evoluir um pouco nesse sentido...porque quando alguém sente o toque, o amor de um abraço, um elogia, há algo nela que necessariamente muda, e isso vê-se no olhar, no jeito de receber...Vê-se, e é muito bonito!
.
Acho que o que me dificulta o trabalho, é que sempre gostei muito de pessoas (pensava que era caso unico, mas no outro dia na tv, vi outra pessoa que dizia "Sou apaixonado por pessoas", pensei alguem que me entende), isso faz com que a meia duzia que me rodeia não seja suficiente, como se quisesse fazer parte de um universo, que entre as pessoas reinasse essa partilha de afecto.
Acho que a esta altura do campeonato já devia ter percebido que isso ronda a utopia, mas o pensar que cada pessoa vale a pena, o ver perante mim pessoas que após largarem a capa da resistência, ficam numa posição linda de sensibilidade...se manifestam lindas almas, lindos seres...deixa-me tão comovida, que continuo a acreditar que é possivel!
Uma vez disseram-me, ou ouvi em qualquer sitio, já não sei, que as pessoas ficam ainda mais lindas a chorar...e sinceramente começo a acreditar nisso, pois toda a emoção, toda a beleza daquele ser, sem defesas, aparece nesse instante...incrivel, mas verdadeiro!
.
Com este video queria dar tema a isso mesmo, o que significa o AMOR, aquele entre todos os seres, não só entre casais, mas entre amigos, irmãos, pais, filhos e ás vezes por pessoas que conhecemos á tão pouco tempo...o que é afinal?...o que significará? E como é sentido, concerteza que teremos maneiras diferentes de o sentir, ou talvez não?!
I WANT TO KNOW WHAT LOVE IS?

E parece que voltou o meu AMOR á escrita!

3 comentários:

Joana disse...

Esse amor que falas, o amor incondicional, eu não consigo explicar. Sinto-o...

Beijinhos

Bubbles disse...

Acho que o amor não tem uma definição única. Porque o amor que sentimos por uma pessoa nunca e igual ao amor que sentimos por outra, mesmo que estejam em patamares semelhantes. Nem a forma como uma pessoa ama e semelhante a como outra o faz.

Mas para mim, mais importante do que saber o que o amor e, e saber quando o estou a sentir. A maioria das vezes e esse o problema, não conhecermos as nossas emoções o suficiente...

Essencialma disse...

Joana,
Sim...é bem dificil explicar.

Beijinhos

Bubbles,
E a chave...não é saber explicar...o ego é que teima em querer explicações...a chave é SENTIR!

Beijinhos